Ensino Doméstico - Educação Domiciliar

Aos pais pertence o direito de escolher a educação dos filhos

2 páginas que mostram o número de pessoas matriculadas no ensino doméstico no Brasil entre 1933 e 1944


http://tiny.cc/xXL7s

Exibições: 525

Responder esta

Respostas a este tópico

Ensino domiciliar, direito ou desvio? 12 páginas

Revista Educação - 06/2008 - Edição 134
Educação Escolar e Educação no Lar: Espaços de Uma Polêmica

Por: Cury, Carlos Roberto Jamil

Educação e Sociedade - v.27 - n.96 - 2006

Resumo
O princípio da obrigatoriedade escolar em instituições escolares significa uma intervenção dos poderes públicos no sentido de criar espaços de socialização que conduzam a uma igualdade de oportunidades na oferta de conhecimentos básicos e na aquisição de valores básicos de referência. Tal princípio tem sido objeto de contestação por meio do movimento norte-americano da home schooling já existente no Brasil. Além de aspectos históricos muito importantes para a compreensão da obrigatoriedade em nosso país, aponta-se para os textos legais e sua interpretação oficial (interpretação resolutiva a esse respeito) e para as concepções e argumentos que sustentam essas posições.
O "Caso Nunes": Homeschooling, Liberdade e "Ilícito Legal"

É possível que a batalha judicial (civil e criminal) do casal Cleber e Bernadete Nunes pelo direito de ensinar seus filhos em casa seja um fenômeno que não tenha a dimensão e a transcendência que parece (1). É possível. Também pode ser o contrário: que por razões nada difíceis de imaginar nossas instituições públicas não estejam dando a devida importância à tarefa de garantir a plena liberdade aos pais de buscar uma alternativa ao “sistema regular de ensino”, não só reconhecidamente válida e eficaz, senão também a única pertinente para fazer frente e escapar de um modelo de educação manifestamente inoperante e embrutecedor, desenhado por técnicos e/ou pedagogos que jogam a engenheiros sociais e dispensado por legiões de professores apáticos, mal remunerados e que se limitam desinteressadamente a cumprir os programas escolares (há exceções evidentemente).

Continua aqui.
Aqui tem dados atualizados sobre o "caso Nunes". Eles foram multados (um valor irrisório, mas absurdo pela multa em si), e vão recorrer! No caso não há abandono intelectual, visto que os garotos passaram nos testes e ainda assim a justiça brasileira os condenou. Onde esse país vai parar?

http://escolaemcasa.blogspot.com/2010/03/deixem-jonatan-e-davi-estu...
Olá Paula, estou com uma dúvida sobre esses dados sobre a educação doméstica entre 1933-44. Será que não estão se referindo a categoria de ensino primário voltada para as mulheres se formarem na administração do lar? Estou fazendo um trabalho sobre home schoolig no Brasil e fiquei surpreso com os números de matrículas do ensino doméstico se equiparando as outras categorias, mas logo em seguida lembrei que existiu esse tipo de educação voltada aos serviços do lar e agora estou em dúvida e pesquisando sobre esse caso. Caso vc tenha outras fontes que o elucide por favor coloque no blog. obrigado!
Educação domiciliar e poder público

A Legislação brasileira é veemente na proibição do ensino domiciliar, mas casos como o ocorrido em Minas Gerais, em que um casal processado por ensinar os filhos em casa alegou insatisfação com a qualidade do ensino público. Afinal, a quem pertence o direito de escolher a educação dos filhos?


Ler AQUI

Olá, Paula!

O link para as páginas (matrículas entre 1933-1944) tá quebrado. Você pode enviá-las a mim por e-mail (andrehpv@gmail.com)? Obrigado!

Responder à discussão

RSS

© 2018   Criado por Paula.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço