Ensino Doméstico - Educação Domiciliar

Aos pais pertence o direito de escolher a educação dos filhos

Olá a todos. Eu sou a Paula, talvez já me "conheçam" do blogue Aprender sem Escola... O que dizer sobre mim? Optámos pelo ensino doméstico há mais de 3 anos e meio e nunca mais olhámos para trás, só temos pena de não ter descoberto esta alternativa mais cedo. Numa "vida passada" fui professora. Estejam à vontade para fazerem perguntas!

Exibições: 1105

Responder esta

Respostas a este tópico

Disculpa, Paula, não percebí bem.

Este post é para a apresentação de cada um d nós?
É que gostava de vos conhecer. Há algum sitio aquí no Ning onde possamos nos apresentar?

bjs
Essa era a ideia, aproveitar este espaço para dizermos um pouquinho sobre nós, quem somos, o que nos apaixona, os nossos sonhos, etc
Ok! Aí vamos.

Sou a mamã do Gabriel (2 anos), espanhola de Sevilha. Levo em Portugal mais da metade da minha vida (20 anos).
Moro no Seixal, a 15min. de Lisboa, mas o que realmente gostava era de viver no campo.
Antes, era ilustradora publicitária, agora sou mamã a tempo inteiro.
Gostava muito de continuar a educação do G. m casa.

O meu maior receio é não estar a sua altura, conseguir lhe oferecer o que ele realmente precissa, porque não tenho nenhum título superior.
Olá sou a Sandra acabadinha de chegar ao forum.Sou mãe de dois meninos e é devido a um deles que aqui estou hoje pois apesar de já frequentar a terceira classe estou muito desiludida com o ensino e a ponderar sériamente em optar pelo ensino doméstico.espero encontrar aqui algumas respostas para as minhas duvidas.
Olá! Meu nome é Ariany e tenho dois filhos, Dhayaram (6 anos) e Suraj (4 anos), e estou grávida de uma menina.

Meus filhos estudam em casa, comigo, porém tenho algumas dúvidas sobre métodos e vou testando um e outro.

Moro no Brasil, local onde a educação em casa é proibida e obrigatória a partir dos quatro anos! Por isso, não divulgo em qualquer lugar e para qualquer pessoa nossa opção (minha e de meu marido), por receio de ser repreendida pela lei. Não é uma situação boa, mas darei continuidade até quando puder! Enquanto isso, espero que a legalização no Brasil passe a ser uma realidade.

É incrível como meus filhos são elogiados por outras pessoas e até por professoras (sem saber onde estudam) e isso me estimular a dar continuidade, pois vejo os resultados!

Espero poder trocar idéias sobre métodos de ensino com vcs!

Abraços!

Olá eu sou a Isabelle, e quero agora começar o ensino doméstico, no entanto ainda tenho algumas duvidas que gostaria que me ajudasse a resolver. Em primeiro gostava de saber onde tenho de dirigir-me para poder ter o ensino doméstico ou seja penso que necessito de alguma aprovação legal, não sei bem.

 A outra questão é em relação ao material escolar, neste caso especifico refiro-me aos livros, são iguais aos usados na escola? E se não são onde podem ser comprados?

Ficarei muito grata pela ajuda.

Muito obrigado.

o meu nome é Nicole e vivo na Ericeira. A nossa filha de 4 anos a Vera já tive a experiencia de homeschooling na Quinta da Pedra, mas acabou por ficar só 4 meses porque tornou-se insustentavel a nivel financeiro :( infelizmente.

Sou instrutora de yoga e o meu marido é terapeuta neo fascial, trabalhando em casa. No inicio do ano lectivo 2011 decidimos por a Vera no jardim de infancia público de Santo Isidoro numa sala de 13 crianças dos 3-6...onde logo identificamos o problema da música atirei o pau ao gato...batata frita, viva o benfica...que estava a criar tensão entre os meninos devido ao facto de termos familia no Porto e a Vera não queria cantar a musica assim, todos os dias, 2/3 vezes ao dia (como cheguei a assistir várias vezes quando ia buscar-la mais cedo à escolinha). Bem, esta noticia estive nos média porque resultou em bullying o que está, só agora, a ser investigado pelo ministerio da educação, pelo bullying do muido contra a minha filha por se identificar com o futebol clube do porto e não com o benfica e pelo bullying de todo o agrupamento da Ericeira, especialmento o diretor que se recusa a resolver o assunto a bem, ignorando a Vera e a propria constituição portuguesa. Simplificando, o corporativismo instalado faz lembrar sim outros tempos.

Estamos a viver este problema muito intensamento pois temos de inscrever os dois na escola para setembro, pelo que já pensamos em mudar de distrito!!! não dão transferencia e nem querem resolver o problema de bullying, visto que já proibiram a musica no jardim de infancia, dizendo que somos nos que não deixamos cantar?!!! A suposta educadora virou os muidos todos contra a vera e a ela contra nos, dai que tiramo-la logo da escola e está em casa à mais de dois meses. Acho que vamos ter de recurer a UM ADVOGADO para apresentar crime público de bullying contra este agrupamento. A nossa filha sabe comunicar e foi ela que nos dizia que estava a ser vitima de maus tratos na escola, e simplesmente não queria ir por causa do futebol!?!!!!! e eles nem praticam desporto no JI.

Isto tudo para dizer e para perguntar se conhece alguma professora na ericeira que seria capaz de dar apoio educativo no domicilio? Eu customo pintar com eles e ensino inglês, e o meu marido ensina as letra e numeros...a comunicação... mas sinto que seria benefico até porque trabalhamos ter alguém disponivel que possa dar outo tipo de input. Tenho a Vera de 4 anos e o Pedro de 3 anos...queriamos evitar ter de mudar de distrito por causa desta situação que se tornou em bullying social. Até um advogado aqui da ericeira disse que tem de ter cuidado porque tem medo que prejudiquem o seu filho na primária.

 

Tenho um espaço - casa vazia numa quinta com cavalos, ribeira d´ilhas, ericeira, onde podiamos iniciar um grupo de Unschoolers...cavalos, um campo verde e uma excelente sala de actividades. Alguem está interessado em reunir forças? yoga, arte, musica, dança, historias, palavras, numeros...3 - 6 anos

 Sitio perfeito para crescer em harmonia com a natureza.

Pode funcionar com almoço incluido. A ideia é ter um espaço aberto a esta forma de educação integrada, com a contribuição dos pais como educadores. Cada um contribui como pode - a nivel financeiro e prático. Eu posso dar aulas de yoga e pintura/desenho, introdução ao inglês e outros temas...existe também uma horta grande e uma piscina.

 

está aqui alguem?

Olá a todos! Sou Ana Carolina, mas podem me chamar de Carol. Tenho o Arthur de 4 anos e meio e o Heitor de 2 anos e meio. Sou Pedagoga e uma preocupação que tenho desde a gestação é justamente sobre a educação escolar dos meninos. Moro no Brasil (estamos no interior de São Paulo) e não concordo com o método utilizado pelas escolas da minha cidade. Homescholing sempre me atraiu, mas não achei que decidiria por isso. Tentei colocar o Arthur na escola no ano passado e não deu certo porque ele não quis ficar, tentei novamente esse ano, numa escola Waldorf, mas aconteceram vários problemas e também desisti. Decidi então tentar o ensino domiciliar até que eles atinjam a idade para o ensino fundamental e então decidirei o que fazer futuramente. Até lá, espero que o ensino doméstico esteja legalizado, porque as famílias ainda sofrem com isso. Gostaria muito de conversar com quem já pratica esse ensino. Abraços.

Olá, boa noite. Tenho uma filha de 13 anos, que nunca foi escolarizada no ensino oficial português: iniciou o primário no Liceu Francês em Lisboa, e para me acompanhar nas minhas deslocações profissionais continuou no CNED (ensino à distância oficial francês). No último ano, por opção dela a que aderi sem hesitar, concluiu o 7th grade na Escola Americana de Yaoundé, Camarões e adquiriu uma 2ª língua académica (o inglês) c/ excelentes resultados. Acontece que estou a preparar nova mudança de posto, mas prevejo passarmos vários meses do início do ano escolar em Portugal (Parede). Por esse motivo, estou a considerar retomar o ensino à distância e em casa (em francês e em inglês) mas agora a partir de Portugal. Uma vez que se encontra em idade de escolaridade obrigatória, alguém me pode informar sobre o que devo fazer para que a sua situação seja legal enquanto estivermos lá, sem que seja obrigada a ir fazer exames numa escola portuguesa cujo programa nunca estudou (nem estamos interessadas em fazê-lo)? Obrigada desde já pela ajuda

Responder à discussão

RSS

© 2017   Criado por Paula.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço